Ter uma hora fixa para dormir ajuda no tratamento contra a insônia?


A insônia é um distúrbio que prejudica a qualidade do seu sono. Cansaço, desatenção e estresse são apenas algumas de suas consequências. A boa notícia é que existe tratamento para o problema e, em alguns casos, se você fizer algumas mudanças simples no seu estilo de vida, o combate à insônia pode ser mais fácil. Ter horários fixos para dormir é uma delas.

Hábitos saudáveis ajudam a dormir melhor

“Devemos sempre orientar os indivíduos quanto à importância de adotar hábitos saudáveis em relação ao sono, que incluem a redução da ingestão de cafeína, a prática regular de exercícios físicos e o estabelecimento de horários regulares para dormir e acordar”, afirma a psiquiatra e especialista em Medicina do Sono Camilla Pinna.

Pode ser difícil se deitar todos os dias exatamente na mesma hora. Este, aliás, não é o objetivo, mas sim criar um horário mais ou menos fixo para dormir, com certa tolerância para atrasos e respeitando as atividades do dia. Assim, quando você já estiver acostumado, seu corpo começará a se preparar para repousar quando a hora de cair no sono estiver se aproximando.

Quantidade ideal de horas de sono varia para cada pessoa

O tratamento da insônia também inclui avaliar quantas horas de sono são necessárias para que seu organismo consiga se recuperar. “A quantidade de sono necessária depende do cansaço físico e mental, da idade e até da genética de cada indivíduo. Porém, você só saberá a quantidade de sono que você deve ter por dia se passar a observar seu sono e disposição no dia seguinte”, explica o neurologista e especialista em Medicina do Sono Shigueo Yonekura.

De maneira geral, boa parte da população adulta precisa de sete a oito horas diárias de sono. No entanto, “se dormir durante 6h e acordar disposto no dia seguinte, significa que teve um sono reparador”, afirma Yonekura. Já para os idosos, 6 horas e meia costumam ser suficientes, enquanto as crianças podem precisar de até 10 horas para repor as energias.

Dr. Shigueo Yonekura é especialista em Medicina do Sono pelo Hospital das Clínicas da USP e é neurologista do Instituto de Medicina do Sono de Campinas e Piracicaba. CRM-SP: 44519
Dra. Camilla Moreira de Sousa Pinna é psiquiatra formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), especialista em Medicina do Sono e atua no Rio de Janeiro. CRM-RJ: 52-82109-8

Foto: Shutterstock


https://cuidadospelavida.com.br/cuidados-e-bem-estar/dormir-bem/hora-fixa-dormir-insonia